domingo, 12 de dezembro de 2010

INDIGNADOS MAS FELIZES POR GALVÃO ESTAR VIVO.

0 comentários
Lamentamos profundamente em ter postado uma notícia equivocada, agradecemos os comentários que fizeram buscarmos a confirmação da real situação do nosso querido Galvão, pedimos desculpas aos amigos e parentes do Companheiro, sofremos juntos e estamos torcendo para que ele vença mais essa batalha. Poderia ser mais rápido essa retratação se o nosso comentarista se identificasse, mesmo assim, somos gratos pela correção. Abaixo publicamos também a nota do NCPAM, nossa fonte principal.

Os Editores

O Nosso Compromisso com a vida


Até a presente hora, o professor Manoel Dias Galvão, psiquiatra, vítima de assalto na noite de sábado, continua na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Pronto Socorro João Lúcio, da Zona Leste de Manaus, depois de sofrer uma cirurgia na cabeça para retirada de uma bala disparada do revólver de um dos assaltantes. Galvão está lutando contra a morte e o nosso compromisso com a vida faz com que se esclareça a matéria, ficando na torcida para que o professor Manoel Galvão possa mudar este quadro, manifestando sinais de vitalidade para alegria dos seus familiares e de centenas de amigos que primam de sua relação acadêmica fundada na honestidade intelectual.

Indignação O Diretor do Instituto de Ciências Humanas e Letras (ICHL), professor Nelson Noronha, juntamente com a direção da Associação dos Docentes da UFAM, indignados contra o descaso institucional que vivemos em Manaus, onde o crime se multiplica fazendo vítima todos os dias, resolveram fazer um Ato Público no salão principal do ICHL, no Campus Universitário, para lavrar o protesto e reivindicar providências imediatas dos governantes que dormem e agem como se nada tivesse acontecendo. Ao mesmo tempo manifestar total solidariedade a família do professor Manoel Dias Galvão, apostando na possibilidade de sua franca recuperação reatando sua relação com a vida para combater os fantasmas da loucura e da irresponsabilidade governamental.

0 comentários:

Postar um comentário