terça-feira, 27 de março de 2012

Crime Ambiental: empresa SOVEL continua Poluindo o Lago do Aleixo em Manaus (AM)!

0 comentários

Poluição feita pelas das chaminés da Sovel
A empresa Indústria de Papel Sovel da Amazônia Ltda continua lançando no Lago do Aleixo os resíduos químicos oriundos do processamento de reciclagem de papel. Por uma escadaria a empresa derrama no lago do Aleixo um líquido esbranquiçado com detritos sólidos que forma uma placa de podridão.

O Grupo Sovel está localizado em uma área de 550.000 m². Destes, 21,7 mil são de área construída na Rua João de Paulo, dr, 600, Bairro Col Antônio Aleixo Zona Leste de Manaus( AM). A empresa fabrica caixas de papelão, papel Kraft, Marmorizado e outros, com atuação também no mercado de produtos da linha de Papel Tissue: Papel Higiênico, Guardanapos e Papel Toalha. É especializada em reciclagem de papel, onde 100% de sua produção (que corresponde a 2500 toneladas por mês em produtos) são oriundas de resíduos de papéis recicláveis utilizados como matéria prima de seus produtos.

Desde sua implantação, a Solvel vem poluindo o Lago do Aleixo num total desrespeito as normas ambientais e a população do Bairro. O Lago do Aleixo fica no entorno do Encontro das Águas, local que no passado fora de grande concentração de pescado, com a chegada da Sovel suas águas sofreram mudanças substanciais em sua coloração e composição química devido os resíduos indústrias por despejada por essa empresa em seu leito.

Mesmo com as constantes denuncias feita pela população do Bairro através de suas Entidades representativas e pelos movimentos socioambientais, os órgãos ambientais Estadual, Municipal e Federal, continuam permitindo essa pratica criminosa da Sovel! Parece que existe uma cumplicidade desses organismos governamentais e a empresa, a omissão das autoridades ambiental brasileira diante desse caso, vem inquietando a sociedade manauara que assiste a degradação do Lago do Aleixo que já foi no passado um majestoso Paraiso Ecológico.
 
Abaixo fotos de maio de 2011 e março 2012, que mostra a escadaria por onde a Solvel despeja os resíduos no Lago, as placas apodrecidas, a poluição provocada pelas chaminés da fabrica, a coloração enferrujada das águas do lago e a paisagem degradada do Lago do Aleixo. Quem conheceu a paisagem do Lago do Aleixo antes da Sovel chegar, pode dimensionar o quanto era lindo o nosso Lago! 

Dossiê fotográfico do crime ambiental praticado pela Sovel no Lago do Aleixo em Mamaus Amazonas  















Fotos: Valter Calheiros

0 comentários:

Postar um comentário