quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Candinho e Inês são homenageados na Câmara

0 comentários
Os músicos João Cândido dos Santos (Candinho) e Maria Inês de Oliveira Pacheco (Inês) foram homenageados nesta quinta-feira (08), na Câmara Municipal de Manaus, com a Medalha de Ouro Ana Carolina. A homenagem aos 30 anos de carreira da dupla foi proposta pelo vereador Waldemir José (PT). A sessão solene foi presidida pelo vereador Gilmar Nascimento (PDT).

Waldemir José (PT) destacou a importância da dupla Candinho e Inês para a música amazonense, afirmando que são poucos que conseguem comemorar 30 anos de arte musical. “A música de Candinho e Inês representa o sentimento de nosso povo”, sintetizou  Waldemir José. “A música Renovação, por exemplo, marca o sentimento de luta, de escolher o futuro, de marcar o presente”.

O presidente da Ordem dos Músicos do Amazonas, Everaldo Barbosa destacou que se não fossem as barreiras impostas pela indústria cultural que define o tipo de música e qual artista serão divulgados, a música de Candinho e Inês já teria ultrapassado as fronteiras do Amazonas e até do país. Já o compositor Guto Rodrigues, disse que a arte tem o compromisso com a liberdade, “por isso a música Renovação será cantada sempre”.

Em seu discurso de agradecimento, Candinho disse que a arte e em particular a música estavam sendo também homenageadas naquele momento. “A música é para nós a nossa forma de opinar, de interagir com nosso momento, é nosso instrumento de reconstruir e reinventar”. Antes dos discursos, foi apesentado um vídeo contando a história dos 30 anos de carreira de Candinho e Inês, período em que ganharam vários prêmios, escreveram livros e produziram um DVD.

Participaram também da sessão de homenagem aos músicos, os deputados estaduais, José Ricardo Wendling (PT), Josué Neto (PSD), a vereadora Lúcia Antony, Frei Fulgêncio, coronel da Polícia Militar José Militão da Silva, familiares e músicos. Os filhos de Candinho e Inês, Candinho Júnior (violão) e Bárbara (voz) interpretaram o Hino Nacional Brasileiro.

0 comentários:

Postar um comentário